domingo, 11 de julho de 2021

11 de Julho Domingo...... O tio e eu, meu fotógrafo hahaha.





Arturo e eu fomos pedalar, primeira parada Johnny Lin Bike Café uma loja linda no Butantã, seguindo pedal Butantã,  Morumbi !

 

9 de Julho..... Saia em dupla.

Lá fomos desenferrujar as perninhas Juliana e eu. Pedala girando no plano e passando na Frison no Itaim procurando a Laura. Duas horas de pedal e muita coisa para contar. valeu.

 

domingo, 4 de julho de 2021

Pedal solo, é o que temos no momento.



Como sinto falta de pedalar com nosso grupo tão amado Saia na Noite. Pandemia, máscara, e outra realidade, esperando ansiosamente que isto termine para voltar a viver...saudades.

 

Recuperando algumas das nossas bicicletas em Barra Velha.

 Infelizmente fecharam o Mubi - Museu de Bicicleta de Joinville cerca de 4 anos atrás. Valter não teve outra opção a não ser levar todo o acervo em sua pequena casa em Barra Velha. Todas amontoadas dentro da casa e muita coisa coberta num galpão aberto ao relento.......triste. Pedimos a ele que tentasse achar algumas bicicletas, troféus,  que foram doadas por nós para o Museu mas, só conseguimos levar duas em melhor estado e outras três faltando peças e muito enferrujadas, Barra Velha além de é uma cidade praiana .Muito deprimidos Arturo e eu, seguimos para SOCORRO - SP, onde será inaugurado em breve pelo Carlãozinho Coachman o Centro Cultural Movimento um acervo maravilhoso com a história do motociclismo e ciclismo, é o primeiro no Brasil !





Alfameq Tirreno




segunda-feira, 21 de junho de 2021

quinta-feira, 3 de junho de 2021

A escola, a bicicleta e a vida: Aro 27 Bike Café

A escola, a bicicleta e a vida: Aro 27 Bike Café: O sobrado que abrigou o Aro 27 Bike Café está em obras. Não faço ideia o que vá ser, mas sinto falta da boa, melhor, da ótima, divertidíssim...

quarta-feira, 2 de junho de 2021

Saia na Noite - Mulheres de Bicicleta 29 anos.

 

 

SAIA NA NOITE

Mulheres de Bicicleta

2021 – 29 anos

 

 


A Equipe Saia na Noite foi criada em 1992, por Teresa D’Aprile e um pequeno grupo de mulheres que já pedalavam e sentiam necessidade de abrir um espaço exclusivamente feminino no mundo das bicicletas. Como o ciclismo é um universo quase que masculino, muitas mulheres têm vergonha de pedalar por que não conseguem acompanhar o ritmo dos homens que, normalmente, não têm paciência para ensinar técnicas de condução da bicicleta.


As mulheres gostam de rodar num ritmo mais calmo, fazer subidas e descidas com mais segurança, ou ainda ter uma noite só para elas, curtindo caminhos tranqüilos, sem o compromisso das disputas e competições.

 

O Saia na Noite segue num roteiro agradável e seguro, sempre respeitando o ritmo de todas, da primeira à última ciclista. Nem por isto deixa de fazer molecagens. E conta sempre com guias experientes.

Temos em nosso cadastro mais de 1100 mulheres inscritas. O número de ciclistas por passeio, varia  de 25 a 40 mulheres, e contamos também com um grande numero de meninas acima dos 50 anos.

Fazemos atualmente passeios às terças feiras com um grupo de mulheres acostumadas a pedalar. São em torno de 25 kms com subidas, num ritmo mais lento para que todas possam acompanhar. Esse grupo sai às 21 horas da Pizzaria Primo Basílico na Al.Gabriel Monteiro da Silva,1864.  A primeira quinta por mês realizamos um pedal gastronômico. Fazemos também passeios temáticos nas principais datas comemorativas e eventos, e aos domingos passeios turísticos pela cidade.

SAIA NA NOITE - MULHERES DE BICICLETA.


domingo, 30 de maio de 2021

Matando a saudades em época de pandemia!!


































 

Mujeres en Bicicleta SP.

 

SAIA NA NOITE

Mujeres en Bicicleta en Sao Paulo

 

El grupo de Saia na Noite (“Salga de Noche”. En portugués saia es tanto falda como el imperativo del verbo salir) está empeñado en enseñar a las mujeres a pedalear, usando la bicicleta como modo de transporte y ocio. Tenemos más paciencia para enseñar las técnicas y ellas sienten más deseos de aprender.

 

Lo más importante es que la ciclista sienta seguridad arriba de la bicicleta, consiga mantener el equilibrio y lograr el primer pedaleo. Pedaleando tienes otra disposición, otro brillo en los ojos, energía que no se acaba, ayuda al buen estado físico y contagiosa alegría para poder llegar. 

 

Tienes otra visión de la ciudad y consigues descubrir lo nuevo.  En relación a la mujer que practica el deporte, se torna más competitiva, pero no por ello deja de ser mujer. El pedalear en el tráfico es también una solución al caos de la ciudad, para no contaminar y llegar a tu destino mucho más rápido.

           

Hoy tenemos en el mercado, bicicletas y equipos para la anatomía femenina, con libre elección para todos los gustos, todo está desarrollado y diseñado para proporcionar una mayor comodidad. La bicicleta ha hecho mucho por la emancipación de la mujer y le da un gran sentido de libertad ¡Cómo es bueno sentir el viento en la cara!

 

Este es nuestro trabajo, hoy con 15 años de experiencia, estamos creciendo cada día más y ya no somos más una minoría. (…) para aprender a pedalear, les damos las reglas básicas para andar en el tráfico, un curso básico de mecánica y a tener respeto con los demás y por la ciudad, ayudando a construir.

 

¡Ven a ser parte!

Abrasos 

Teresa D'aprile

Saia na Noite primeiro grupo de mulheres ciclistas de SP!!

 

                  Saia na Noite – Mulheres de Bicicleta

A equipe saia na Noite foi criada em 1992 pela paulistana Teresa D’Aprile é um grupo de mulheres que já pedalavam e sentiam necessidade de abrir um espaço só para elas. A ideia é iniciar as mulheres no pedal, num ritmo mais lento, porque nós mulheres temos mais paciência para ensinar as técnicas da pedalada e sempre com muita calma uma incentivando a outra. A bicicleta é uma poderosa ferramenta para troca de culturas sociais e pessoais de quem a utiliza. Estamos convencidas que uma mulher a mais pedalando significa uma transformação positiva em si mesma e com os que ela se relaciona. Pedalando nós temos outra disposição, outro brilho no olhar, ajuda na boa forma, dá alegria principalmente ao conseguir CHEGAR LÁ. Saímos sempre às terças feiras à noite, da Pizzaria Primo Basílio na Al. Gabriel Monteiro da Silva 1864, em São Paulo. Pedalamos cerca de 25 km com subidas, mas ritmo bem lento. O trajeto é decidido na hora do passeio, se tiverem novatas vai ser mais light, e sempre incentivando as novatas e não importa se de repente ela resolvamos empurrar a bicicleta em suas primeiras subidas, nós vamos estar juntas conversando e sabemos que logo ela vai conseguir subir pedalando, isto é pedalar em grupo todas vão e voltam juntas. Uma noite só para nós é muito bom tricotar,trocar receitas falar dos filhos, maridos, namorados e trabalho,  que às vezes as meninas falam tanto, que até esquecem de pedalar e vão ficando lá para trás!Temos até algumas que vem com as filhas ou filhos para incentivar. Uma quinta feira por mês fazemos algo diferente, pedais gastronômicos e temáticos como Saia no Haloweem Saia de Pijama este foi genial, Saia na Sopa etc. sempre o Saia na frente Normalmente estes passeios as quintas tem em torno de 15 km sem subidas para que todas possam participar inclusive os meninos que sempre nos acompanham, mas ficam até tontos com tanto falatório. Não temos muita regra se de repente passamos em frente a uma sorveteria, ou vemos que está tendo algo diferente damos uma paradinha, em vez de pedalar 25 km paramos para nos divertir. Tem namorados, maridos ou amigos que não pedalam mas fazem questão de incentivar as companheiras e esperam na Pizzaria por duas horas até voltarmos da pedalada é muito gratificante poder participar disto.Um domingo por mês fazemos o Saia Pró um pedal com cerca de 50km sem hora para voltar a maioria das vezes cultural, ou rodamos a cidade e imediações mas neste caso só quem pedala forte. E outro domingo por mês um Saia Light no máximo 15 km sem subidas para quem está começando, aonde aos domingos sempre vão os meninos. Nossa ideia sempre foi ver mais e mais mulheres pedalando e hoje já é uma realidade. Não importa a idade tenha 20 ou 70 somos todas ciclistas. Temos uma equipe de mulheres que ajudam no pedal umas fechando o grupo outras no meio e outras incentivando, e sempre usamos radio comunicador. Às vezes me perguntam por que só mulheres? Ai está à explicação estamos em 2018 com 26 anos de grupo e muitas meninas já passaram por aqui e ainda estão passando e nossa ideia é que elas migrem para outros cantos, conheçam pessoas e tenham uma vida alegre junto à magrela. Só eu sei como foi difícil eu chegar até aqui principalmente pelo preconceito da idade, mas hoje já está mudando. Além de pedalar somos terapeutas e sempre prontas para ouvir. Somos livres e com certeza com muitas aventuras para contar, somos um grupo feliz!

Eu amo o que faço e enquanto as penas aguentarem vai continuar e ajudar mais e mais mulheres a pedalar. Quando um grupo é criado surge uma família onde todo tem suas características, mas juntos fazem toda diferença.

segunda-feira, 24 de maio de 2021

Una festa.........

 

Volevo tanto organizzare una festa con le amiche della bicicletta che voglio tanto bene ma, non si sa quando possiamo stare insieme con questa pandemia del Covid……, la nostalgia è molto grande. Ventinove anni a pedalare insieme tutte le settimane, solo non andiamo nelle vacanze e quando piove, l’appuntamento perciò sarebbe nel sabato pomeriggio verso le cinque perché le ragazze sposate devono stare a casa verso le otto. Possiamo anche decidere di fare la festa nella casa di campagna di laura. Invitiamo tutti le donne così possiamo parlare bugie ridere molto per lasciare il momento più leggero. Nella casa di campagna si può fare un bagno in piscina, prendere sole e una bella birra. Portiamo tutto il cibo, le bevande e i dolci. Se non si sogna non si vive……..Quando??

domingo, 23 de maio de 2021

Pedal solo pelo Alto de Pinheiros.

Acordei às 8.hs neste domingo gelado de Outono, levei um susto coisa que não é normal sair da cama tarde mas com muita preguiça resolvi dar uma pedalada pelo bairro sobe desce desce e sobe fazia tempo que não pedalava só, nesta pandemia que não acaba nunca todo mundo está jururu inclusive eu, sem objetivos e sonhos, o que será de nós? os idosos? que tanto sonhamos para ter um futuro tranquilo e curtir um pouco mais a vida. Sinto muita falta dos pedais do Saia na Noite, das minhas meninas, das nossas risada e nosso momento fofoca com pizza e cerveja da Primo Basílico pizzaria que temos nosso ponto de encontro semanal. Não sei se voltaremos a ter a vida de antes......o tempo vai passando e a pandemia continua firme e forte. Saudades saudades saudades, era feliz e não sabia. Teresa

 

quarta-feira, 19 de maio de 2021

Saia na Noite 29 anos!! Vamos lá!!

 

SAIA NA NOITE

Mulheres de Bicicleta

 

O grupo do Saia na Noite está empenhado em ensinar as mulheres a pedalar, usando a bicicleta como modo de transporte e lazer. Temos mais paciência para instruir as técnicas e elas se sentem mais a vontade. O mais importante é que a ciclista sinta segurança em cima da bicicleta, consiga manter equilíbrio e vencer o primeiro pedal com muitos aplausos. Pedalando em grupo você tem muita coisa para contar, outro brilho no olhar, energia que não acaba, ajuda na boa forma corporal, por a fofoca em dia, ter uma noite só para elas fazer novas amizade  e principalmente a alegria de conseguir chegar lá.

Você tem outra visão da cidade, e consegue descobrir o novo. Em relação a mulher que pratica esporte, se torna mais competitiva, mas não deixa de ser mulher, e pedalar no trânsito é também uma saída, caos na cidade não poluir e chegar mais rápido no destino.

Hoje temos no mercado, bicicletas  e equipamentos para anatomia feminina, com livre escolha para todos os gostos, tudo é desenvolvido e pensado para proporcionar maior conforto. A bicicleta fez muito para emancipação da mulher, e dá uma grande sensação de liberdade e como é bom o vento no rosto.

Este é o nosso trabalho, hoje com 29 anos, estamos crescendo cada dia mais  não somos mais a minoria, além de aprender a pedalar, damos as regras básicas para andar no trânsito, curso básico de mecânica e a ter respeito pelo próximo e pela cidade ajudando a construir.

Venha fazer parte !

abraços

Teresa